Dirigentes sindicais do Amapá são reintegrados ao quadro funcional

Dirigentes sindicais do Amapá são reintegrados ao quadro funcional

23 de agosto de 2017 0 Por Equipe TudopraRádios

Dois diretores do Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Radiodifusão e Televisão do Amapá, que trabalham na Rádio Difusora de Macapá (emissora pública), receberam a triste informação que estavam desligados do quadro de funcionários, ou seja, ambos foram admitidos por meio de contratos administrativos, assinados pelo governador Waldez Góes, mas a partir do mês de julho estavam desempregados.

A direção do sindicato deu entrada a documentação na Secretaria de Administração do Estado do Amapá, pedindo a reintegração dos radialistas Josilene Santos e George Guimarães, ambos locutores, e que possuem Registro Profissional. Com base no Artigo 543 § 3º da CLT (Redação dada pela Lei nº 7.543, de 2.10.1986: § 3º – Fica vedada a dispensa do empregado sindicalizado ou associado, a partir do momento do registro de sua candidatura a cargo de direção ou representação de entidade sindical ou de associação profissional, até 1 (um) ano após o final do seu mandato, caso seja eleito inclusive como suplente, salvo se cometer falta grave devidamente apurada nos termos desta Consolidação).

Nesta segunda-feira, 21, os dois trabalhadores assinaram seus referidos contratos, estando novamente a disposição da emissora em seus locais de trabalho, isso confirmado ao presidente do sindicato, José Maria.

De acordo com direção da rádio, a dispensa teve origem a partir de uma decisão no Palácio do Governo, quando 25 trabalhadores apenas da Rádio Difusora teriam seus contratos finalizados sob alegação de contenção de despesas, para evitar complicações com a Lei de responsabilidade Fiscal.

No caso dos dirigentes, existe amparo legal para estabilidade e, assim, o sindicato agiu e prevaleceu a empregabilidade.

Na Rede Amazônica (Amapá), existem duas radialistas que estão na diretoria do sindicato e antes que fatos semelhantes ocorram, tomamos decisão de protocolar documentos a fim de mante-las desenvolvendo suas funções.

Fonte: Sindicato dos Radialistas do Amapá.

Fonte: FITERT – Federação dos Radialistas